© Mario Bastos - Desenvolvido por Infoqplan Assessoria Digital

Avenida Rudolf Dafferner, 400 - Praça Maior - Boa Vista - Sorocaba/SP

O poder

19/03/2015

Você já parou para pensar quanto vale o “Seu Poder” sobre os seus bens materiais, sobre o seu emprego, sobre seu domínio sobre as pessoas....
Será que este “poder” que você está exercendo, principalmente sobre as pessoas que convivem com você, está certo?
Será que você não está “podando” o poder de vida desta ou destas pessoas? Pense bem, mas pense com o seu coração, pois nada nesta vida vale mais do que a paz. Paz que só encontramos quando fazemos bem ao nosso próximo, pois o poder se tem por um tempo, mas respeito, amor, carinho, solidariedade, podemos ter por uma vida inteira.
O poder corrompe as pessoas, temos bons exemplos disto na política, nos chefes das empresas que muitas vezes nos humilham, simplesmente para poder mostrar o poder que possuem, mas volto a dizer, o poder detemos por um tempo, mas amigos, podemos deter por uma vida inteira.
O pior poder ainda que podemos falar é o poder que as mães, pais, maridos, esposas, namoradas, noivas,... querem exercer sobre nós. Isto é terrível, podam a nossa espontaneidade, a nossa criatividade, porque fazemos parte do “poder deles”, somos meros objetos de exposição ou até mesmo um pertence, será que isto é certo?
Claro que não, mas existem pessoas que acreditam que as pessoas são propriedades delas e as sufocam com excesso de vigilância, ciúme, domínio e isto acaba com qualquer relacionamento.
A vida deve sempre ser pautada na confiança, na fé, no amor, na solidariedade e o que é mais importante, na liberdade.
Observe bem a sua vida. Você não está vivendo um relacionamento desgastado? Que realmente não vale a pena continuar? Será que a pessoa que está convivendo com você, não quer viver outra vida?
Será que este amor não acabou?
Reflita bem, pense bem. Por que não procurar um novo rumo, uma nova vida, um novo amor? Este já acabou e você está vivendo de passado? De momentos lindos? Deixe disto, isto são coisas de novela. Novelas ainda bem antigas, pois as “Páginas da Vida” mostram o dia a dia , o porquê de não vivermos relacionamentos desgastados e de conviver com pessoas que não nos fazem bem
Já diz o velho ditado “conselho se fosse bom, não era dado”, mas será que as experiências que vivemos não podem ajudar os seres humanos a serem mais felizes? Os jovens dizem mais ainda “a fila anda” e anda mesmo. Não podemos perder, reflita nesta mensagem e veja o que você está fazendo da sua vida, pois uma coisa é certa, nada vale mais a pena do que ser feliz e viver em paz.

“ Busque a felicidade dentro de você, nos pequenos atos, e principalmente nas decisões certas.”
Mario Bastos

Compartilhar no Facebook
Compartilhar no Twitter
Compartilhar no Linkedin
Please reload

Destaques
Posts Em Destaque

TELA AZUL

15/11/2019

1/6
Please reload

Artigos Recentes

15/11/2019

19/10/2019

Please reload

Siga
  • Facebook Basic Square
  • Google+ Basic Square
  • Twitter Basic Square