© Mario Bastos - Desenvolvido por Infoqplan Assessoria Digital

Avenida Rudolf Dafferner, 400 - Praça Maior - Boa Vista - Sorocaba/SP

E não é que aconteceu?

19/03/2015

Vivemos uma vida, cheia de situações e acontecimentos que nos marcam, nos trazem muito aprendizado e crescimento em vários campos do autoconhecimento.
Por isso é de suma importância ressaltar que, por mais que nos conheçamos e aprendamos a reconhecer tudo que acontece em nossas vidas, existem momentos que somos pegos de surpresas, pois o controle de nossas vidas além de limitado pode ser ilusório.
As vezes temos a falsa impressão de que temos nossas vidas controladas, tudo sob controle, quando estamos passando e vivendo essa sensação tenha certeza que está acontecendo algo que vai mudar o rumo da sua vida.
Precisamos entender que no decorrer de nossas vidas ansiamos por muitas coisas e por vários motivos, desejamos que aconteça algo, mas se repente não acontece, acabamos até esquecendo ou até mesmo perdendo a vontade e muitas vezes nos frustramos.
Sabe por que acontece tudo isso?
Porque queremos tudo na hora que achamos bem entender, nos transformamos em verdadeiras crianças mimadas, as vezes praticamos até mesmo malcriação e depois nos arrependemos da mesma.
Os anos passam, a vida vai passando e de repente sem mais nem menos, aquilo que almejamos, sonhamos, enfim, que tanto ansiamos, se realiza do nada, sem mais nem menos o projeto se concretiza, o presente chega e você com a maior cara surpresa e assustada, ri sem graça diante do acontecido.
Agora vamos pensar melhor, o porquê aconteceu dessa maneira e não como você imaginava ou até mesmo queria? Comecemos a imaginar como funciona a natureza, porque nenhum fruto cai de uma árvore se não estiver realmente maduro.
Na vida tudo existe em ciclo, num processo para que tudo aconteça da maneira mais correta possível, sem desgaste, sem perder tempo, enfim, de uma maneira tranquila e leve.
Então a partir do momento que você se conscientize disso, desse tempo de maturação, de aprendizado, tempo esse que você, eu e todo mundo precisa ter para crescer, é justamente o tempo de aceitação e resignação para que você esteja preparado para tal.
Lembra-se que alguém falou: “O tempo de Deus é diferente do tempo dos homens”, então diante disso entenda melhor como funciona a natureza para que você não tenha nem desgastes e frustrações daqui em diante.

“Aceitar o tempo de Deus, é sentir-se mais próximo da plenitude”.
MARIO BASTOS

Compartilhar no Facebook
Compartilhar no Twitter
Compartilhar no Linkedin
Please reload

Destaques
Posts Em Destaque

TELA AZUL

15/11/2019

1/6
Please reload

Artigos Recentes

15/11/2019

19/10/2019

Please reload

Siga
  • Facebook Basic Square
  • Google+ Basic Square
  • Twitter Basic Square