© Mario Bastos - Desenvolvido por Infoqplan Assessoria Digital

Avenida Rudolf Dafferner, 400 - Praça Maior - Boa Vista - Sorocaba/SP

É preciso saber viver

18/03/2015

Gostaria de falar sobre pessoas que costumam afogar todas as suas mágoas e frustrações no trabalho, numa atividade sacrificante, como por exemplo, um esforço físico desnecessário, uma atividade que não precisa ser feita naquele momento, mas por "raiva" ou até mesmo por frustração diante de uma fase difícil de sua vida, ela prefere se autoflagelar.
Um grave erro que o ser humano persiste em cometer é aquele aonde ele “descompensa” sua vida, levando trabalho para casa. Sua mulher, seu marido, seus filhos, seu pai ou sua mãe, normalmente ouvem sobre suas frustrações, nervosismo e todo o stress acumulado durante o dia-a-dia profissional.
Existem também, aquelas pessoas que levam todos os seus problemas familiares, normalmente de relacionamentos, para o seu dia-a-dia profissional, achando que seus companheiros de trabalho são "obrigados" a prestar atenção e até mesmo opinar sem ter a noção real de suas dificuldades.
Normalmente, o resultado de tudo isso com o decorrer do tempo, é um desequilíbrio muito grande na sua vida pessoal e profissional, com sérias conseqüências, como perder o emprego, separar-se da esposa ou do marido, um filho saindo de casa para morar em outro lugar, enfim, situações e atitudes que nenhuma pessoa, em sã consciência gostaria de passar.
Então, aproveite essas palavras e reflita se você não está passando por uma fase destas. Se já passou, lembre-se das conseqüências que na maioria das vezes não são nada agradáveis.
Será que não seria mais fácil, analisar todas essas situações de uma maneira diferente, mais "divertida", rindo e sorrindo dessas situações? Lembre-se: que quando você sorri, movimenta 16 músculos da sua face, relaxando por alguns momentos e após isso, com certeza conseguirá resolver diversas situações stressantes.
Outra ferramenta muito importante que você tem dentro de si é o poder do perdão, o poder de se perdoar, de sentir e de saber, que você é um ser humano, com muitas qualidades e alguns defeitos, mas que é igual a todos os outros, pois está neste mundo tendo a oportunidade de aprender e corrigir tais imperfeições.
Aproveite esse momento de reflexão e sinta a voz do seu coração, não as frustrações e a negatividade da sua mente, que muitas vezes lhe sacrifica e escraviza, trazendo para o presente dias ruins de um passado que nesse momento deixou de ser importante.
Saiba viver a vida da melhor maneira possível deixando arquivado em sua mente e em seu coração as situações prazerosas e quando alguma coisa de ruim acontecer utilize essa força para afastar todo e qualquer negativismo.

"Saber viver a vida, é saber comer a fruta, sem comer o caroço".
MARIO BASTOS

Compartilhar no Facebook
Compartilhar no Twitter
Compartilhar no Linkedin
Please reload

Destaques
Posts Em Destaque

TELA AZUL

15/11/2019

1/6
Please reload

Artigos Recentes

15/11/2019

19/10/2019

Please reload

Siga
  • Facebook Basic Square
  • Google+ Basic Square
  • Twitter Basic Square