• Mario Bastos

Como somos frágeis




Esse final de semana que passou, tive uma experiencia muito trágica, mas interessante, minha mãe sofreu uma queda, sofreu uma intervenção cirúrgica e agora está em recuperação.

Passei por todo um processo de sentimentos e sentidos que um filho pode passar vendo sua mãe sofrer de dor, mas, o que quero focar desse acontecimento, não é a minha fragilidade diante desse fato.

Mas sim toda força e apreço das pessoas que me conhecem e que conhecem minha mãe, foi tão gratificante e confortante, palavras, mensagens, ligações, até mesmo de pessoas que nem imaginava que lembrassem de mim.

Essa energia que emana das pessoas, nada mais é do que o amor que carregamos dentro de nós e de uma maneira ou outra, acabamos compartilhando com o outro e isso é maravilhoso.


“Somos frágeis, mas a energia do amor nos fortalece”.
Mario Bastos

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
  • White Facebook Icon
  • White Twitter Icon
  • White YouTube Icon

Avenida Rudolf Dafferner, 400 - Praça Maior - Boa Vista - Sorocaba/SP

© Mario Bastos - Desenvolvido por Infoqplan Performance Digital